Ministra da Cultura participa hoje do 5º FNM

Nesta quinta-feira (22), o 5º Fórum Nacional de Museus (FNM) chega ao seu penúltimo dia de atividades no Sesc Quitandinha, em Petrópolis (RJ), e recebe a ministra da Cultura, Marta Suplicy.

Às 12h30, Marta Suplicy almoça no Museu Imperial com autoridades e diretores de museus e segue para o 5º FNM.

Às 15h, faz pronunciamento na plenária do fórum com homenagem aos 80 anos do curso de Museologia da UNIRIO – o mais antigo do Brasil. Saiba mais na Agenda da Ministra.

Painéis Pela manhã começam as reuniões dos Grupos de Trabalho (GTs) relacionados ao Plano Nacional Setorial de Museus (PNSM) Em paralelo acontecem as primeiras sessões de Comunicações Coordenadas. Ambas as atividades repetem-se amanhã (23) – último dia do 5º FNM.

Às 13h, começa a última rodada de painéis. Desafios de integração supranacional da Agenda da Mesa Redonda de Santiago trata de questões relevantes em torno da institucionalização de políticas públicas para o setor museal na América Latina e Ibero-América, assim como as possibilidades de harmonização entre as ações – também no que tange à gestão do patrimônio museológico em risco.

São convidados para o painel Antía Vilela (Programa Ibermuseus), Vivian Rivas (Fundación Museos Nacionales/Venezuela) e Javier Royer (Direção Nacional de Cultura/Uruguai).

Em paralelo, o painel Patrimônio museológico em risco e seus desafios aborda aspectos essenciais em torno de situações de risco as quais estão submetidos acervos e coleções em museus. Identificação e localização dos riscos catastróficos, mapa dos riscos dos países ibero-americanos, planos de emergência: diretrizes para elaboração e tráfico ilícito de obras são alguns temas do painel.

Último dia de painéis no 5º Fórum Nacional de Museus

Participam Cristina Menegazzi (Centro de Patrimônio Mundial/Unesco), Major Eduardo Nocetti (Corpo de Bombeiros de São Paulo e Escudo Azul/Brasil), Théo Salim Najm (Instituto de Resseguros/Brasil) e Antônio Carlos de Oliveira (meteorologista/Brasil)

A seguir ao pronunciamento da ministra da Cultura, seguem os painéis a partir das 16h com os temas:

Acervos e coleções: entre o público e o privado faz um panorama da relação em memórias, acervos e coleções e seus desafios, enfocando a democratização do acesso, mecanismos de proteção, valorização e sustentabilidade. César Oiticica Filho (curador/Brasil), Guilherme Bueno (MAC/São Paulo) e Alessandra Clark (Associação Lygia Clark/Brasil) integram o painel.

Os museus no desenvolvimento do imaginário das cidades trata de território, aprendizagem, inovação e cultura. Como os museus ajudam a ressignificar os espaços urbanos e fortalecem a memória social coletiva e o desenvolvimento local? Essas questões serão abordadas por Cêça Guimarães (FAU/UFRJ), Cristiana Kumaira (Circuito Cultural da Praça da Liberdade/Minas Gerais) e Hugo Barreto (Fundação Roberto Marinho/Brasil).

A conferência programada para o 5º Fórum Nacional de Museus hoje tem como tema Museus no século 21: práticas e ferramentas de desenvolvimento social. Princípios basilares do “museu integral”, os processos de mutação dos museus e a integração com os territórios e canais de comunicação com as comunidades estão entre as abordagens.

São convidados Margherita Sani (Istituto Beni Culturali/Itália), Ivetti Delli (Ministério da Cultura/Equador) e Dean Phelus (American Aliance of Museum/EUA). Todas as conferências com convidados estrangeiros contam com tradução simultânea.

Texto: Ascom/Ibram
Fotos: Tiago Silva e Ascom/Ibram